Convergência Digital – Ana Paula Lobo e Pedro Costa – 21/03/2018

 

A jornada para a transformação digital não vai acabar nunca, adverte o diretor de Tecnologia do Banco do Brasil, Gustavo Fosse. “O avanço da tecnologia é tão grande que é preciso um movimento constante e diário”, observa. Fosse, que participou do 3º Seminário Brasscom Políticas Públicas & Negócios, realizado em Brasília, nos dias 14 e 15 de março.

Fosse admite que a voz do cliente, com as redes sociais, está mais forte e é missão das empresas encantarem ao seu consumidor. “O jogo agora não é mais automação. Ela é básica. O jogo a ser jogado é saber interpretar os dados. Não há mais venda de produtos. É serviço”. O diretor de TI do BB também admite que faltam profissionais especializados para atuar com os dados, como os cientistas de dados.

 

Fonte: http://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=site&infoid=47562&sid=97